2 de julho de 2013

Fico tão triste com esta estatística...


Porque neste campo, sem dúvida, é de pequenino que se torce o pepino.

12 comentários:

Nadinha de Importante disse...

Muitos não lêem porque não querem, dá trabalho, blá, blá, blá.
Outros é porque não têm dinheiro para os livros e depois estão sempre a ler as mesmas histórias e os miúdos desinteressam-se!

Vespinha disse...

Uma história pode ser sempre inventada!

Smelly Cat disse...

As bibliotecas públicas ainda são de graça.

teardrop disse...

Fico triste com estes números. Ler é essencial para mim e, como dizes, uma história pode ser inventada!

CAP CRÉUS disse...

Quanto a isto, estamos descansados lá em casa :-)
Leitura todas as noites!
Adora livros!

Bruxa Mimi disse...

Estamos no terço certo, cá em casa! :-)

. margarida . disse...

Por cá... perfeitamente tranquilos.
Desde muito cedo que leio para a minha filha.
Talvez por isso e passados 6 anos,NÃO há ó-ó sem história.
Agora é ela que as escolhe.
E ... já traz livros da biblioteca da escolinha.
Tão bom !
E tão bom também ter-lhe passado este gostar.

. margarida .

GATA disse...

É mais do género "toma a play-station e cala-te e não me chateies!"

Celeste Silveira disse...

Eu acredito que a atitude dos pais relativamente às leituras (dos filhos e para seus filhos) esteja a mudar. E para melhor!
É com muita alegria que vejo (e cada vez mais regularidade) a ida à Biblioteca Pública de pais acompanhados pelos filhos. Muitas vezes até são os filhos que levam, e pela primeira vez, os pais à referida Biblioteca. Sim, eu sei disso porque tenho a melhor profissão de todas. Sou bibliotecária numa magnifica Biblioteca Pública. E por favor, desculpem esta minha falta de modéstia.

Vespinha disse...

Sim, acho que hoje são mais os miúdos a puxar pelos pais... o que não deixa de ser um bom sinal!

Carolina Duarte disse...

A minha mãe não me lia todos os dias, mas lia muitas vezes, e eu adorava.

Cailin disse...

ai custa tanto saber isso! ando sempre a dizer que a primeira coisa que vou comprar quando souber que estou grávida é um livro pra lhe ler. há coisas que realmente deviam vir desde o berço!