13 de agosto de 2013

Já foi há um ano...


... que tive de me despedir desta minha grande amiga. Twiggy, penso em ti todos os dias. Todos. Que saudades.

12 comentários:

GATA disse...

I know the feeling... E os animais (cães ou gatos) são os melhores - e verdadeiros - amigos!

O Sexo e a Idade disse...

Lamento tanto Vespinha...sei bem quanto dói...
Eles, para além de amigos são familia; familia que nós acolhemos e estou em crer que nos escolhem...
Um beijo muito grande e um xi-coração muito apertado.

Mamã disse...

Pensamos e choramos.
Fazia parte do nosso jardim.
Milhares de milhões de beijinhos.

Vespinha disse...

Do nosso jardim e das nossas vidas... :(

Clara Fernandes disse...

É muito triste. Também foi há um ano que tivemos de eutanaziar o Davis, depois de vários meses de esforços para o salvar, foi duro e lembramo-nos dele muito. Agora a Nucha também está doentita mas a recuperação foi boa, e se tudo correr bem, ela ficará "como nova", o que no caso de uma velhota é um milagre!

homem sem blogue disse...

Despedi-me do meu amigo há mais tempo e não me liberto dele. Ainda está no meu ambiente de trabalho... mas custa tanto

homem sem blogue
homemsemblogue.blogspot.pt

Mamã disse...

Sim, desculpa Rita, das nossas vidas.
E, porque não, da nossa família?

GATA disse...

Homem sem blogue: não nos libertamos do que amamos. Eu, pelo menos, não me liberto nem me quero libertar, apenas aprendi a viver com o vazio.

Celeste Silveira disse...

Eu infelizmente também já tive alguns desgostos neste domínio. Felizmente (se se poder falar assim nestas circunstâncias), os meus amiguinhos animais já defuntos, morreram sempre com muitíssima idade. Tive um gatinho siamês (parecidíssimo com a sua TT) que morreu aos 21. Já a mãe dele, havia morrido aos vinte. Mas essa perca é para sempre e eles não se substituem. O lugar deles estará sempre lá. E sentimos-lhe a falta... todos os dias.

Dani disse...

Força <3

cacaucaramelo.blogspot.com

Vespinha disse...

Celeste, as idades dos teus siameses deram-me novo alento, porque as minhas já têm 10 anos! :)

A todos: Obrigada pelas mensagens, é bom saber que há tanta gente que nos compreende tão bem.

Carpe diem to me disse...

Custa sempre.
Força!