23 de julho de 2014

Escolha bizarra #51

Depois de morto, escolher viver a mesma vida de novo... ou arriscar renascer em qualquer lugar do mundo com uma nova vida?

4 comentários:

Ana Chagas disse...



A mesma. Gosto do meu país, das minhas pessoas, de mim e da minha vida. Noto a minha evolução, hoje sou mais matura, sábia e com uma maior capacidade de amar do que fui ontem. Acredito que amanhã ainda serei melhor.
Acho que gostaria da hipótese de me honrar e todos os que amo, revivendo a nossa história, com as lições já aprendidas desta vida.

Nina Nininha disse...



Arriscar … porque acredito que se tivermos uma segunda oportunidade é para nos reinventarmos, para contribuir com algo novo, com algo diferente do que já fizemos ou foi feito. Por isso acho que arriscava, mesmo correndo o risco da segunda vida não ser tão boa como esta está a ser.

Nina
momentosemcapsulas.blogspot.pt

Vespinha disse...

Eu escolhia a mesma vida... e melhorava-a! :)

Letra de Médico disse...

Essa é difícil... Tendo em conta que na maior parte do mundo as condições de vida são tão más... Ainda assim, ia pelo arriscar!

letrademedico.blogs.sapo.pt