15 de março de 2015

Faria hoje 91 anos, deixou-nos aos 73. Tantas saudades


A minha avó, a minha querida Babá, nasceu no dia 15 de março de 1924, a segunda irmã de um conjunto de três raparigas. Como poucas mulheres da época, estudou, aprendeu línguas e foi tradutora de inglês e francês (e não sei se de espanhol) no BESCL (depois BES, hoje Novo Banco). Adorava viajar, sempre com o meu avô, e conduzia o seu carro todos os dias. Aprendeu a cozinhar, por necessidade, já depois dos 60 anos, escolhendo sempre com grande amor o que dar aos netos. Depois de reformada, ocupava o seu tempo connosco, a tomar café com as amigas, a tratar do seu jardim e a cuidar dos seus cães e gatos.

A minha Babá. A minha querida Babá. Que sempre esteve comigo e que sempre estará.

4 comentários:

Teresa disse...

Que bonito! As memórias das Avós são Eternas!

Luísa Pereira disse...

Que engraçado, fazia anos no mesmo dia da nossa Mãe e era tradutora como eu, que também traduzo de inglês e espanhol :)
Um grande beijinho, Luísa

Vespinha disse...

Ontem também soube de uma pessoa cuja mãe tinha nascido no mesmo ano, mês e dia que a minha avó. :)

Luísa Pereira disse...

:)