19 de janeiro de 2018

Três cartazes à beira da estrada, de Martin McDonagh

Mildred Hayes perdeu a filha, violada e assassinada numa estrada muito perto de casa. Sete meses depois, sem resultados nas investigações, decide alugar três cartazes à beira da estrada alertando para a inércia da polícia. E são estes cartazes que desencadeiam (ou parecem desencadear) uma série de acontecimentos violentos na pequena cidade de Ebbing.

Os atores estão excelentes (sobretudo Frances McDormand, no papel da duraMildred, e Sam Rockwell, no papel do básico polícia Dixon) e o ambiente é o dos filmes passados em pequenas cidades do interior norte-americano cujo sossego é agitado por um crime.

O filme é classificado como comédia negra, mas pessoalmente não o consigo classificar. É um filme carregado de violência, mas tem muitas situações (e personagens) caricatas e humor negro pelo meio.

Três cartazes à beira da estrada já ganhou quatro Globos de Ouro (melhor atriz, melhor drama, melhor ator secundário e melhor argumento), e parece-me um bom candidato aos Óscares. Se bem que, depois de Manchester by the sea ter ganhado o ano passado o Óscar de melhor argumento original, é provável que a Academia queira premiar outro género.

4 comentários:

Ana Chagas disse...


Mal vi o trailer, por acaso na tv, fiquei entusiasmada. Este tenho mesmo que ver.

CAP CRÉUS disse...

Quero muito ver, mas hoje em dia, espero pelo video clube...

Vespinha disse...

Eu agora com as miúdas tenho ido ao cinema mais do que nunca! Aproveito sempre a noite de quinta-feira «livre» (elas ficam com a minha mãe)... :)

Mónica disse...

Adorei ❤