6 de maio de 2015

Nojo. É o único sentimento que consigo ter


Nota: Este ser é professor na Faculdade de Economia da Universidade do Porto.

8 comentários:

GATA disse...

Por acaso o "Senhor Professor" sabe que vários estudos genéticos confirmam que a origem do Homem moderno está em África??? Aliás, o Charles Darwin, na sua época, avançou com a ideia! Portanto, "Senhor Professor" basicamente somos todos "pretalhada", incluindo vossemecê!

Marisa Maria disse...

Isto sem querer ser violenta... antes de abater as que só querem uma vida melhor ou que têm o infortuno de estar doentes... Podíamos começar pelo sr professor, aí sim a humanidade iria ficar mais "limpa"

Vespinha disse...

Eu não consigo perceber como é que pensamentos destes chegam a passar pela cabeça das pessoas... quanto mais verbalizá-los!

Mas pensando também, talvez seja bom que os digam, pelo menos pomo-nos a pau.

Anónimo disse...

Infelizmente, isto já nem me choca. Há muitas mais criaturas a pensar assim do que se imagina.

Lígia disse...

Há liberdade de expressão e liberdade de expressão...isto já tá ali no limiar do crime...!!! Espero, do fundinho do meu ser, que "isto" não tenha nem filhos, nem animais de estimação...

Vespinha disse...

Sim, pelo menos que não se reproduza...

ana b. disse...

Infelizmente não é único. Ainda há 70 anos tivemos o Hitler. E 70 anos, em termos de evolução da espécie humana, é uma ínfima parte de um segundo... Só acho lamentavelmente ele ocupar um cargo de docente numa universidade pública. Penso que o Ministério Público deveria abrir um inquérito e a confirmar-se eats hediondas afirmações, exonerá-lo de funções. Não é admissível ter uma pessoa assim a formar mentalidades num estabelicimento de ensino. E não me venham com liberdade de opinião: o racismo é um crime e como tal deve ser tratado e penalizado judicialmente.

Vespinha disse...

Não posso deixar de concordar contigo...