13 de abril de 2016

Juro que preferia ser muito burrinha

Não que me considere hiper inteligente, mas os graus de ansiedade às vezes incomodam bastante.

4 comentários:

Pink Poison disse...

Pensar demais... E não ter tempo para por tudo em prática...

Vespinha disse...

Eu penso é em hipóteses de futuro em que não devia pensar!

Ana Chagas disse...


Tal e qual! Infelizmente, ansiedade é um dos termos que me definem. E é precisamente como dizem: uma pessoa pensa demais, sobretudo em cenários hipotéticos. Que A pode derivar em B, C, e D, e que portanto há que prevenir tudo, acautelar, preparar para minimizar as consequências, etc... É um estado de espírito exaustivo.

Vespinha disse...

Uma necessidade de termos tudo sob controlo, algo simplesmente impossível. Mas um estado tão difícil de combater...