18 de julho de 2018

A importância das horas de sono

Há dias irritei-me um pouco no Facebook, quando uma mãe de um grupo a que pertenço argumentava que eu devia ir a um determinado evento mesmo sacrificando a sesta das miúdas, defendendo que o importante era elas terem novas experiências, mesmo que depois ficassem birrentas. Disse ainda que tentava não se privar de nada por causa dos filhos, pois isso acabava por enriquecê-los.

Ora, eu penso precisamente o contrário. E privo-me de muitas coisas não «por causa» delas, mas «por» elas. Aos fins de semana, quando estão comigo todo o dia, as três horas a seguir ao almoço são horas mortas (eu aproveito para também descansar), e antes das 17h é difícil combinar alguma coisa. Agora no verão, ir à praia será quase um «toca-e-foge» ao final do dia. Ir jantar fora significa ir jantar no máximo às 19h30 ou antes, para conseguir que pelas 21h estejam na cama.

Porque a meu ver não haverá experiências que as enriqueçam se estiverem com sono. Ficam irritadiças, choram por tudo e por nada, eu fico estafada, todas perdemos. Para elas, como em geral para todas as crianças pequenas, as horas de sono são fundamentais, servindo para processar as aprendizagens e vivências que tiveram durante o dia. E quando falo de horas de sono, falo de horas de sono de qualidade, deitadas em ambiente tranquilo. Talvez seja por isso que «apanhem» tudo muito rapidamente e que estejam a desenvolver tão depressa o vocabulário. Porque enquanto estão reconfortadas, estão despertas e alerta para tudo o que as rodeia.

Num abrir e fechar de olhos as sestas serão menores, haverá trabalhos para fazer ao fim do dia, ir para a cama terá de ser mais tarde, e a vida encarregar-se-á de lhes proporcionar muitas experiências retirando-lhes algumas horas de descanso. Mas tudo a seu tempo.

5 comentários:

Paula disse...

Nao podia estar mais de acordo. Sempre que tento, excecionalmente, quebrar a rotina dos sonos, arrependo-me de seguida!! E também a mim já me disseram que as rotinas devem ser quebradas...

Vespinha disse...

E depois queixam-se de que os miúdos são birrentos, nao dormem noites inteiras...

CAP CRÉUS disse...

O nojo que me mete, por ver putos de colo, a levar com as vontadinhas dos pais. Ou no café, ou a ouvir musica alta, num qualquer bailarico, a altas horas da noite.

Cacao disse...

Acho que fazes bem :) o sono é muito importante!

Sérgio Saraiva disse...

Tu participas naqueles grupos do Facebook em que as maes competem por quem tem os filhos que fazem coisas mais cedo? Eu gosto bastante de ler as discussões...