23 de dezembro de 2016

O tempo em mim


No dia 3 de janeiro regressarei ao trabalho. Deixei de trabalhar no dia 1 de abril, há 9 meses. Pelo meio, o meu mundo mudou muito: transformei quase totalmente a casa, fui internada, as bebés nasceram, eu fui operada, tive uma recuperação longa para mim e curta para os médicos, sei que certas coisas nunca mais poderei fazer e que outras farei para sempre, tenho um carro novo, os meus pais e irmãos são pessoas novas, as bebés estão a crescer e até já andam na escola, ri muito e chorei mais ainda, descobri que sou mais fraca do que pensava numas coisas e mais forte noutras.

Tudo isto em 9 meses. Parece que foi ontem que saí do escritório com a ideia de que voltaria outra pessoa. Mal sabia eu quão diferente seria essa pessoa.

6 comentários:

Ana Chagas disse...



Fico feliz por teres ultrapassado os obstáculos, e pelas imensas alegrias! Os teus 9 meses soam a anos, de tão vertiginosos que foram. Desejo-te um feliz regresso ao trabalho!

Pink Poison disse...

As tuas filhas foram mencionadas lá no meu canto.

Pink Poison disse...

Vais conseguir, Vespa, tu és forte e racional...

CAP CRÉUS disse...

Bom regresso e tudo de bom para 2017!

Alex disse...

És uma vencedora! E quando temos filhos, tornamos-nos mais fortes! Beijinhos

Vespinha disse...

Foram acontecimentos em 9 meses que poderiam ter acontecido em anos mas que pareceram acontecer num abrir e piscar de olhos.